postura dores na coluna

Importância da postura para evitar dores na coluna

A coluna é responsável por sustentar o nosso peso. Bastante flexível, ela também está ligada à capacidade de movimentação do corpo. Devido a sua importância para a estrutura corporal, não é difícil imaginar que alguns cuidados são necessários para mantê-la saudável.

Contudo, a Organização Mundial de Saúde aponta que 8 em cada 10 pessoas sofrem com dores nas costas. No Brasil, esta é uma das maiores causas para afastamento do trabalho. O que muito se negligencia nesses casos é o impacto da má postura na coluna vertebral.

Dentre os riscos causados por essa inadequação, estão males graves como a hérnia de disco. Outros desvios comuns são a escoliose e a lombalgia. Em grande medida são problemas que refletem a forma como nos posicionamos em atividades do nosso cotidiano.

Seja no trabalho, dirigindo o carro, ou estudando em uma sala de aula, as lesões e os males causados podem ainda se estender para as regiões de pescoço, ombros e quadril. Entenda, neste artigo, a importância da boa postura para evitar dores na coluna.

Função da coluna

A coluna, ou espinha dorsal, é uma estrutura óssea formada por vértebras e que está ligada à medula espinhal. Grosso modo, é o que sustenta nossa cabeça e nosso corpo, proporcionando força e equilíbrio ao sistema.

Os desvios de curvatura e o deslocamento dos discos entre as vértebras constituem seus principais problemas. Embora as dores sejam muito comuns, a boa notícia é que nem sempre elas são o reflexo de condições graves. Podendo, na maioria das vezes, ser corrigidas com medidas simples.

Como a postura evita as dores

São frequentes as atividades em que o profissional precisa manter a mesma posição por um longo período. É o caso, por exemplo, das pessoas que trabalham majoritariamente sentadas.

Sabe-se que alguns auxílios ao posicionamento correto podem ser oferecidos por itens ergonômicos, como cadeiras e material de informática. É claro que o indivíduo também precisará fazer a sua parte para evitar as lesões.

Se esse é o seu caso, sempre sente-se alinhando quadris e ombros, mantendo os dois pés apoiados no chão. A posição muito comum entre os jovens de “escorregar” no assento é proibitiva.

Ao trabalhar em computadores, garanta que o monitor esteja sempre à altura dos olhos. Mesa e periféricos, como mouse e teclado, devem estar à altura dos cotovelos para reduzir o estresse causado nos ombros e punhos.

Ao andar e manter-se de pé, é possível tomar alguns cuidados. A barriga não deve projetar-se para fora, já que essa posição força a região lombar. A coluna e o pescoço devem ser mantidos retos. Ao dirigir, é igualmente importante manter um apoio total à coluna. Alinhe sempre banco e encosto para proporcionar uma posição aproximada de 90 graus para o corpo.

Ao dormir, os cuidados não são menos importantes. Deitar-se de lado ou de costas é o mais indicado, sendo o chamado decúbito ventral pouco aconselhável. O que pode melhorar a situação de quem dorme de bruços é a colocação de um travesseiro sob o estômago. Isso serve para alinhar a coluna. Já os travesseiros muito altos sob a cabeça são um risco a se evitar.

Tudo isso dito, lembre-se de que exercícios físicos regulares são recomendados para fortalecer a musculatura dorsal e prevenir maiores problemas. Para os idosos, um acompanhamento profissional é sempre o mais adequado.

Ter o cuidado de manter uma boa postura evita as dores mais comuns sentidas na coluna. esses cuidados aliados à prática de exercícios físicos regulares diminui consideravelmente o risco de problemas futuros. No entanto, se os desconfortos já se instalaram, o acompanhamento de um fisioterapeuta é recomendado.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como ortopedista em Belo Horizonte!

Comentários
Núcleo de Saúde Integrativa

Posted by Núcleo de Saúde Integrativa